Primeiro salário: 5 dicas incríveis para saber como aproveitá-lo

O primeiro salário é uma conquista muito satisfatória e merece ser comemorada. Porém, por vezes, devido à ansiedade, nos perdemos nas compras, nos projetos ou na possibilidade de realizar sonhos.

Por isso, o autocontrole nesse momento é uma qualidade essencial para que você não acabe no zero. E saber administrar seu dinheiro com consciência é o primeiro passo para fazê-lo render e, a longo prazo, conseguir alcançar seus objetivos mais aspirados.

O início pode ser difícil, pois há uma certa vontade de fazer tudo, mas é preciso cautela e, com o tempo, você vai se tornar um bom planejador financeiro para seu salário.

Veja as orientações que separamos para você aproveitar o seu primeiro salário com satisfação e prudência!

1. Permita-se recompensas

Em primeiro lugar, você precisa sentir a recompensa pelo seu trabalho. O seu primeiro salário deve ser aproveitado de uma forma prazerosa. Afinal, ele é resultado do seu esforço, do seu trabalho e de suas iniciativas quando montou um currículo, passou por entrevistas, dinâmicas de grupo e alcançou o emprego que tanto desejava.

Então, encontre algo que gostaria de fazer ou de comprar e o faça, mas sempre analisando suas possibilidades, não entre em dívidas a longo prazo. Isso pode ser uma armadilha futura.

2. Estabeleça metas alcançáveis

É importante que você tenha um planejamento financeiro pessoal. É com esse planejamento que poderá montar um diagnóstico sobre os seus possíveis gastos e quanto deve economizar. Avalie suas despesas, se possível com uma tabela anual. É preciso ter uma visão de futuro.

Se você deseja ter algo, comprar algo ou uma viagem, estabeleça esses objetivos como metas futuras. E comece desde já economizando de uma forma organizada o quanto será preciso para futuramente realizar seu sonho.

3. Crie uma reserva para emergências

Essa é uma questão que muitas pessoas não pensam. Raramente somos ensinados a pensar no futuro. O escritor Ricardo Guimarães em seu artigo “Uma coisa grande mesmo”, afirma que as pessoas que vivem nos trópicos tendem naturalmente a não esquentar a cabeça com o futuro. Essa é uma cultura que precisamos abandonar.

É necessário ter uma reserva mensal de seu salário para as emergências, pois elas acontecem. Talvez um médico, uma viagem em família ou com os amigos, uma prova, um curso. É essa reserva que vai trazer segurança e permitir que você visualize, a longo prazo, o rendimento de seu trabalho.

4. Invista em capacitação

Investir o seu salário em uma capacitação é uma boa dica para conseguir futuramente uma promoção ou um bom cargo. Cursos profissionalizantes, workshops, eventos e seminários poderão proporcionar a você mais segurança para se estabelecer diante da concorrência e mostrar-se um profissional interessado e pró-ativo.

Não encare a capacitação como um gasto, mas sim como um investimento. E, inclusive, ela deve fazer parte de sua lista de prioridades para manter-se como um perfil profissional atualizado e comprometido com o mercado de trabalho.

5. Evite gastar mais do que recebe

Não assuma compromissos com os quais não pode lidar, como morar só — caso more com a família —, financiar um carro, comprar um aparelho com o preço mais elevado. Espere e analise como serão os seus próximos meses. Assim, você poderá planejar como serão os seus gastos e não entrará em dívidas que podem virar uma bola de neve.

Separe o dinheiro que irá para alimentação, despesas fixas da casa, despesas do final de semana, como cinema ou happy hour com os amigos, e contas de celular, por exemplo.

O primeiro salário é uma conquista e gastá-lo de forma planejada pode fazê-lo render muito mais e ajudar você a planejar um bom futuro. Crie um orçamento próprio que seja baseado em suas possibilidades e necessidades adaptando-o as suas necessidades pessoais.

Veja também como um curso com certificado para o currículo pode aumentar o seu valor para a empresa!

Sem Comentários